Para terminar a nossa trilogia, eis as nossas breves experiências gastronómicas em Bratislava. A capital eslovaca revelou-se muito mais económica do que as vizinhas Viena e Praga

Blava é uma cidade pequena,  que não tem centenas de opções de restaurantes internacionais, com comida de todo o mundo. Está por lá representada a rede McDonalds, onde um menu custa cerca de 5€. Mas é possível provar comida típica em vários lugares sem arruinar a carteira.

A maioria dos restaurantes tem um menu do dia entre os 6€ e os 8€. Nós almoçamos no restaurante Dolnozemská krčma, em pleno centro histórico e a dois passos da famosa estátua do Čumil. O menu do dia (5,90€) incluiu sopa e prato principal, a que acrescentamos limonada (1€). O pequeno explorador comeu frango, eu optei por um puré com abóbora panada que estava um regalo. E pela módica quantia de 6,90€ por pessoa.

 

O lugar foi-nos recomendado por uma simpática colaboradora da Segway tours, que nos acompanhou ao almoço. Ela comeu um dos pratos mais tradicionais: o Bryndzové halušky, um nhoque de batata com queijo de ovelha (Bryndza) e bacon.

Outro dos pratos típicos, que não provamos porque estava um calor descomunal, é a sopa de alho (Cesnaková Polievka). Parece bem substancial, vem coberta de queijo e é servida dentro de um pão gigante. A maioria dos sites recomenda também a cerveja local, nomeadamente no Slovak Pub, um lugar rústico bem popular.

Nessa tarde de calor provamos ainda os gelados bio da Luculus, os melhores de Blava de acordo com várias opiniões locais. Que delícia foi saborear aquele gelado cremoso com os pés no “riacho” da longa avenida Hviezdoslavovo Námesti, ao lado de eslovacos de todas as idades.

 

Antes do regresso a Viena, fizemos uma longa pausa no bristô parisiense Mondieu, que une o conceito e a elegância francesa com preços a condizer. Paguei 11,10€ por um café com chocolate, cheesecake de oreo e um copo de sumo de ananás (foto de entrada). Apesar de caro, o ambiente é agradável e o lugar tranquilo. Passamos ali um momento agradável, enquanto a chuva dava o ar de sua graça na rua.

Têm dicas para comer bem em Bratislava? Acrescentem aí nos comentários.

Planeie a sua próxima viagem

Faça as suas reservas através dos links parceiros. Não paga nem mais um cêntimo e para mim faz toda a diferença

  • Encontre os melhores hotéis no  Booking. É onde eu faço as minhas reservas
  • Se precisa de transporte próprio, alugue um carro com a Rentalcars 
  • Reserve os seus bilhetes para monumentos e tours, evitando filas, usando o Get your Guide 
  • Faça um seguro de viagem com a Iati seguros (beneficia de 5% de desconto com este link).

Este post pode conter links de afiliados