Grandes experiências para viver na Turquia

Chá da Turquia

Atualizado em 30 Agosto, 2022

A Turquia é um destino encantador, de contrastes, história e mistérios. Se precisa de motivos para o colocar no seu roteiro, vai gostar de ler sobre estas experiências incríveis que pode viver no país da Euroásia

A Turquia é um destino acessível, com boas ligações aéreas, e económico para os utilizadores do euro. Sem surpresas, recebe muitos turistas por ano, em busca de lugares históricos, um pouco de exotismo, mas também praias.

Temos dedicado alguns artigos a este país que é um pouco europeu, mas também asiático, com o sabor aromático do seu café forte e o exotismo da sua arquitetura árabe. Com paisagens impressionantes, tesouros do período otomano, o burburinho dos bazares e uma infinidade de mesquitas, há certamente passeios para todos os perfis de viajantes por lá.

Se está em fase de planeamento, aconselho-o a ler Visitar a Turquia: guia e dicas de viagem. Mas antes, deixe-se inspirar por estas experiências fantásticas que o país de Ataturk tem para oferecer aos visitantes.

o estreito de Bósforo corta Istambul a meio

Um país, dois continentes

A localização da Turquia, entre a Europa e a Ásia, é, no mínimo, peculiar, traduzindo-se numa riqueza cultural incomensurável. Istambul é a única cidade do mundo dividida entre dois continentes: o mar de Marmara separa a parte europeia da asiática.

Existem vários cruzeiros no Bósforo, estreito que serve de fronteira entre continentes, com uma linda vista sobre os pontos turísticos da cidade, como a Torre de Gálata, permitindo ainda observar os pescadores na ponte e admirar o moderno skyline. Se preferir, junte-se aos milhares de turcos que utilizam o ferry para atravessar o estreito, partilhando os seus lanches com as atrevidas gaivotas. Esta é uma travessia muito mais barata.

Ver os dervixes rodopiantes

A cerimónia dos dervixes rodopiantes é característica da região da Konya, mas poderá assistir a este momento emocionante em Istambul. A Semas são momentos de celebração em forma de dança (do islamismo sufi), sendo o rodopio um instrumento de elevação e contacto com Deus.

O ritual religioso assume hoje uma vertente cultural, sendo por isso uma atração bastante apreciada pelos estrangeiros. Em alguns casos, por exemplo, no tradicional Hodjapasha Art & Culture Center, não é permitida a captação de imagens ou vídeo.

© Hodjapasha Art & Center

Negociar nos bazares de Istambul

Fazer compras na Turquia é uma experiência antropológica divertida para quem, ao contrário de mim, tem algum jeito para regatear. Baixar preços não é só uma maneira de economizar, mas também de respeitar os rituais de um povo que tem o comércio como principal atividade desde os persas.

Em Istambul existem dois templos de consumo onde a negociação pode durar horas: o Grande Bazar e o próximo Bazar das Especiarias, também conhecido como bazar egípcio. O Grande Bazar – eufemismo porque é mesmo gi-gan-te, ocupando umas 60 ruas – é um dos mais antigos do mundo. Ali pode encontrar artesanato, tapetes, joias, roupa e muitos docinhos turcos. Os vendedores adoram regatear (descobri que os leitores brasileiros usam o termo “pedinchar”) e têm arte para o fazer, perante uma ou várias chávenas de chá.

Se visitar Istambul, inclua o grande bazar

Chá e café turco

Por falar nisso, o chá é a bebida mais consumida no país, servido em chávenas em forma de tulipa, a flor nacional (um dos mais lindos presentes da Turquia ao mundo), que emprestam um toque de requinte ao chá. Pode esperar também diferentes aromas e sabores: eu adorei o chá de romã.

Consumido em todos os lugares e diferentes períodos do dia, oferecer um chá é sinal de amizade e hospitalidade, um gesto tão comum como oferecer um café às visitas em Portugal ou no Brasil. Há também o famoso e robusto café, preparado a partir de grãos moídos ultra-finos. O café ferve diretamente com a água, formando uma bebida espessa, que não é filtrada. Confesso que não me conquistou, mas é preciso experimentar para formar uma opinião. 

Património mundial da UNESCO

A  Turquia sabe capitalizar a sua riqueza história, alcançando a apreciável marca de  19 sítios classificados pela UNESCO como Património da Humanidade, a que se somar dezenas de candidaturas. Só conheci quatro da lista e, entre estes, foi o sítio arqueológico de Éfeso que conquistou o meu coração, sobretudo por causa da sua maravilhosa Biblioteca de Celso.

Perto da cidade de Izmir ou Esmirna, as ruínas romanas de Éfeso estão entre as mais bem preservadas. No auge do império romano, a cidade foi a segunda maior do mundo, com cerca de 250 mil habitantes, grandiosidade que ainda se antevê nas avenidas forradas de mármore, nas colunas do templo do imperador Adriano, na Biblioteca de Celso e no grandioso anfiteatro.

Muito perto desta antiga cidade portuária romana, no Monte Koressos, é possível visitar o que se acredita ter sido a última casa da mãe de Jesus Cristo, junto da qual há uma pequena capela e um muro repleto de orações e promessas à Virgem.

Águas termais de Pamukkale (Denizili)

Pamukkale é um dos lugares mais épicos para se conhecer na Turquia e uma maravilha da Natureza igualmente classificada pela UNESCO. Se as piscinas termais, repletas de águas leitosas, parecem surreais nas fotos, são ainda mais oníricas ao vivo. A água morna contraria o nosso olhar, que nos diz que caminhamos sobre uma colina nevada.

Infelizmente, devido à fragilidade das estruturas e à escassez de água, os guias dizem que não é permitido tomar banho nas piscinas, apenas caminhar (o que quase ninguém respeita). Podem ler tudo sobre este cenário, que se torna ainda mais bonito ao entardecer, e a vizinha maravilha histórica chamada Hierápolis em Pamukkale, o castelo de algodão da Turquia.

cavalo de Troia

Troia, onde a Ilíada ganha vida

Comparando com outras ruínas romanas, incluindo na própria Turquia, o sítio arqueológico de Troia (também na lista da UNESCO) perde em grandiosidade. No entanto, é interessante ver as sucessivas camadas, já que Troia foi destruída e reconstruída nove vezes ao longo dos séculos.

Para além disso, é impossível desligar este lugar perto de Çanakkale da famosa cidade, de muralhas impenetráveis, que se tornou épica com a Ilíada de Homero. Um cavalo de madeira dá as boas-vindas aos visitantes, e quase esperamos ver o rei Príamo a incitar os seus guerreiros contra os gregos, até a astúcia de Ulisses resolver a guerra que se prolongou por uma década. Para além deste, existe um outro cavalo de madeira no centro da cidade, oferecido por Hollywood, depois de terminado o filme onde Brad Pitt encarnou o invencível Aquiles.

Voo de balão (Capadócia)

Andar num balão de ar quente é uma experiência comum em muitas listas de desejos, e a Capadócia é um destino espetacular para esta aventura! Elevar-se acima de formações rochosas inusitadas como as chaminés de fada, entre dezenas de balões coloridos, ficou entre as memórias mais marcantes da minha passagem pela Turquia. 

No alto do céu, um horizonte totalmente desobstruído abre-se perante os nossos olhos, enquanto o sol nasce, emprestando tons incríveis à paisagem. Se pretende fazer o voo de balão, recomendo a leitura de Capadócia, o feérico reino da Anatólia Central.

destaques da Turquia

Comer ou dormir numa caverna

A memorável região da Capadócia possui formações antigas e rochas maleáveis, que explicam porque se criaram ali tantos abrigos para os primitivos cristãos, perseguidos pelo império romano. Muitas dessas cavernas foram conservadas e, atualmente, algumas funcionam como hotéis e pousadas, possibilitando aos viajantes uma experiência de alojamento única.

Alguns hotéis não têm quartos-caverna verdadeiros, mas constroem quartos de pedra para alcançar o mesmo efeito. Se procura uma experiência autêntica, o Sultan Cave Suites é uma opção espetacular. Quanto ao lindo Charming Cave Hotel, só no local poderá comprovar se se tratam de quartos escavados na rocha, mas de qualquer forma, os quartos e terraços são de babar.

Uma outra opção será comer num restaurante-caverna, por exemplo, provando um testi kebab, o famoso cozinhado em potes de barros, que deve reservar com, pelo menos, quatro horas de antecedência. Esqueci-me de apontar o nome do restaurante-caverna onde comi, mas o hotel onde ficar terá certamente boas sugestões.

Visitar o Mausoléu de Ataturk (Ankara)

Não que um mausoléu seja um programa “uau”, mas Mustafa Kemal, para além do fundador da república, foi responsável por um Estado laico, pelo reconhecimento da mulher na sociedade, pela introdução do alfabeto latino, pela reforma legislativa….

A visita ao mausoléu (Anıtkabir) é uma aula de história sobre a Turquia e, talvez por isso, receba milhares de visitantes por ano, turcos e estrangeiros. Uma guarda de 24 leões de pedra conduz os visitantes até ao monumento, erguido no topo de uma colina e visto de diversos pontos de Ankara, a capital.

Inaugurado sete anos após a morte de Ataturk, como é carinhosamente chamado, significando “pai dos turcos”, para além do sarcófago, o complexo possui uma extensa exposição sobre a vida do líder e a história do país. Para além de conhecer o percurso mais recente da Turquia, certamente sentirá ali o orgulho nacional em relação a Ataturk, cujo rosto consta em cada lira turca, independentemente do valor.

Tomar um banho turco

Há banhos e banhos e depois há o hammam, o autêntico banho turco, que promete revitalizar corpo e alma dos incautos turistas. O processo é longo e calmante. Entre o passo-a-passo, primeiro o banhista fica numa sala quente com vapor, depois de algum tempo, segue para a esfoliação, com uma luva especial. Por fim, toma um duche e está pronto para continuar a explorar a Turquia com pele reluzente.

Os banhos turcos fazem parte da cultura do país e existem vários tipos, de diferentes graus de sofisticação e valores, desde os mais tradicionais a alguns mais modernos, com diversos tratamentos e massagens.

Mergulhar num dos mares da Turquia

A Turquia vem-se afirmando como um destino de praia e não é para menos, pois tem uma longa e belíssima costa. O país é cercado pelo mar Negro a norte, pelo Mediterrâneo o sul e pelo Egeu a oeste (ao largo do qual encontra a ilha de Lesbos). Possui ainda um importante mar interno, o Mar de Marmara, entre os estreitos de Dardanelos e o Bósforo.

As águas azul turquesa do mar Egeu são cada vez mais procuradas, com as praias das penínsulas de Bodrum e Marmaris entre as mais animadas. A cerca de 80 km de Izmir, Çeşme é uma das estâncias balneares com águas azuis cristalinas e locais de mergulho acessíveis, cuja beleza é sobretudo conhecida dos turistas nacionais.

Na Riviera turca, que corresponde aos 1600 km de costa do Mediterrâneo, destaca-se a famosa região de Antalya.

Vocês viveram alguma, várias ou outras experiências fantásticas na Turquia? Contem-me tudo nos comentários.

Planeie a sua próxima viagem

Faça as suas reservas através dos links parceiros. Não paga nem mais um cêntimo e para mim faz toda a diferença

  • Encontre os melhores hotéis no  BookingÉ onde eu faço as minhas reservas
  • Se precisa de transporte próprio, alugue um carro com a Rentalcars 
  • Reserve os seus bilhetes para monumentos e tours, evitando filas, usando o Get your Guide 
  • Faça um seguro de viagem com a Iati seguros (beneficia de 5% de desconto com este link).

Este post pode conter links de afiliados

Partilhar
Facebook
Twitter
Pinterest
WhatsApp

Artigos Relacionados

11 Comentários

  1. elvira carvalho

    Um país cheio de encanto.
    Adorei a viagem virtual.
    Abraço e saúde

  2. Bruna Barbosa

    Ruthia, que ótima seleção de experiências na Turquia! Esse país é um espetáculo, as diferenças culturais que estão bem exemplificadas nos dervixes, a riquíssima história da região e, claro, as belezas naturais… está tudo no seu post, dando uma prévia perfeita para qualquer viajante!

  3. Marcella

    Vou voltar à Turquia esse ano para viver algumas das experiências que não consegui da primeira vez. O que mais quero é um banho turco e ver os dervixes 🙂

    1. Ruthia

      São duas experiências que tenho na minha lista para a próxima visita também.

  4. Izabela

    Que post incrível, quero muito conhecer a Turquia, principalmente fazer o voo de balão na Capadócia. Logo logo essa viagem estará se tornando realidade ☺️

    1. Ruthia

      Depois conte se a Turquia foi tudo o que esperou.

  5. Cynara Vianna

    Estou começando a pensar nas viagens que quero fazer em 2023, a Turquia é um dos países entre os 5 da minha lista. Cada vez que leio mais sobre o país fico mais encantada e com mais vontade de conhecer.

    1. Ruthia

      Cinco países num ano é uma boa meta. Faço votos que consiga concretizar tudo

  6. Fernanda

    Que post fantástico sobre a Turquia! Ainda não conheço, mas quero muito ter várias experiências incríveis lá (eu estava justamente pesquisando passagens para lá quando a pandemia chegou…)!

    1. Ruthia

      Curioso como esses planos de viagem arruinados pela pandemia teimam em permanecer no coração, né?

  7. Ana Carolina

    Quantas experiência legais hein? Amei as dicas! Morro de vontades de voar de balão na Capadócia, mas seu artigo me fez incluir outras atividades na minha lista de coisas que pretendo fazer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

JPG_1606302493785

Ruthia Portelinha

Viajante, chocólatra, leitora compulsiva, mãe. Está a aprender chinês porque sim.

Posts Populares
Fundador da ABVP
Viagens de uma Vida
Livro viagens de uma vida
Viagem de grupo a Marrocos

7 dias em Marrocos 430 euros
Marrakech até Deserto do Saara
>> Viagem de Grupo Marrocos <<

Siga-nos no Instagram

Travel blogger, chocolate lover, mum | @abvppt co-founder | #portugal🇵🇹 Côte d’Ivoire 🇨🇮#travelwithkids