Melhores praias do Norte de Portugal

Praia de Salgueiros

Com a época balnear à porta, fizemos uma ampla pesquisa e muitas visitas às praias do Norte de Portugal. Aqui ficam as nossas recomendações, entre as 80 praias da região distinguidas com Bandeira Azul

No litoral português cabem realidades muito distintas: das ventosas praias do Norte de Portugal, às cálidas águas algarvias, das orlas desertas aos areais muito disputados pelos turistas. Algumas delas ficaram já entre as 10 mais belas praias da Europa ou as 25 melhores do mundo.

Em cada região do país há boas praias para desfrutar o melhor do Verão. Neste artigo, concentramo-nos nas praias costeiras, ou seja, banhadas pelo Oceano Atlântico (as fluviais ficam para outro post). Afinal, um Verão longo e muitas horas de sol convidam a longas caminhadas na areia, tardes entre mergulhos e leituras, sem esquecer os entardeceres inesquecíveis.

Portugal possui mais de 350 praias galardoadas com a Bandeira Azul da Europa e mais de 200 consideradas praias acessíveis a pessoas com mobilidade reduzida. A bandeira azul é um símbolo de qualidade que significa, entre outras coisas, boa qualidade da água, praias limpas, vigiadas, com equipamento de primeiros socorros, instalações sanitárias, informação e actividades de educação ambiental.

Ou seja, escolher uma praia com a bandeira azul significa que pode contar com benefícios para a saúde (areais limpos, mar rico em iodo) e boas infraestruturas de apoio. Na época balnear de 2021, 80 praias do Norte poderão hastear a bandeira. Vamos conhecer algumas delas, num roteiro que começa junto à fronteira com Espanha e vai descendo para Sul.

1. Praias no concelho de Caminha

Vila Praia de Âncora em plena época balnear.

No concelho de Caminha encontra cinco praias com bandeira azul: Caminha (41° 51′ 51.55″ N | 8° 51′ 52.52″ W), Moledo (41° 50′ 58.01″ N | 8° 51′ 59.98″ W), Vila Praia de Âncora (41° 48′ 46.71″ N | 8° 51′ 52.77″ W), Praia do Forte do Cão (41° 47′ 59.25″ N | 8° 52′ 16.79″ W) e uma praia fluvial.

Moledo é bem afamada, muitos artistas e políticos mantêm ali uma casa de férias; mas Vila Praia de Âncora não lhe fica atrás, tendo florescido como estância balnear. O areal de Vila Praia de Âncora estende-se desde o porto de pesca até à foz do rio Âncora, que nasce na encantadora Serra da Arga.

A temperatura da água não é alta e a ondulação atlântica é mais propícia ao surf do que aos mergulhos, mas junto à marginal as correntes marítimas são menos sentidas. A parte sul da praia, acessível a pé, através de um passadiço de madeira, é a mais bonita. Ali encontra espaços quase desertos, rodeados por dunas preservadas.

Para ficar em Vila Praia de Âncora, recomendo o Hotel Meira ou a Albergaria Quim Barreiros.

2. Viana do Castelo

Praia do Carreço em Viana
Uma das muitas praias de Viana do Castelo, no Norte de Portugal.

O concelho de Viana do Castelo possui nove praias com bandeira azul, a maioria já há vários anos. São elas Afife, Amorosa, Arda, Cabedelo, Carreço, Castelo do Neiva, Luziamar, Paçô e a praia urbana do Norte, inserida no trilho “cidades saudáveis”.

A Praia do Cabedelo (41° 40′ 43.49″ N | 8° 49′ 53.03″ W), em Darque, é muito procurada pelos amantes de desportos radicais e windsurf, acolhendo diversas competições internacionais. É também a única praia acessível da região. No entanto, as minhas praias preferidas, maravilhosas para famílias com crianças, ficam um pouco mais longe da cidade.

É o caso da praia do Paçô (41° 45′ 34.66″ N | 8° 52′ 39.04″ W), com um trilho ambiental maravilhoso, e a vizinha praia do Carreço (41° 44′ 31.84″ N | 8° 52′ 36.96″ W) protegida dos ventos fortes pelo promontório de Montedor e, do mar, pelos afloramentos rochosos. A praia do Carreço possui uma população interessante de corvos marinhos de crista e outras espécies de aves.

Recorde o Trilho celta nas praias do Norte que fizemos entre as duas praias. Na região, recomendamos ficar no Hotel FeelViana, junto à praia do Cabedelo, na Casa do Montedor, mais perto das praias de Paçô/Carreço, ou na magnífica Casa Reserva do Poeta perto de Afife.

Leia também Rota dos gigantes: Viana do Castelo

3. Praias de Esposende

Contemplando os belos moinhos da Apúlia.

Em Esposende encontra quatro praias com bandeira azul, todas elas parte do Parque Natural do Litoral Norte: Apúlia, Fão-Ofir, praias de Marinhas-Cepães e Suave Mar, junto à foz do rio Cávado.

A praia de Ofir (41° 31′ 33.56″ N| 8° 47′ 29.90″ W), na freguesia de Fão, é onde vou mais vezes. A “culpa” é do pinhal das redondezas, que permite almoçar em jeito de piquenique, à sombra, evitando as horas mais perigosas de radiação. Se passar por lá, não deixe de provar o doce típico, de origem conventual: as clarinhas de Fão.

Mas a minha preferida será porventura a praia da Apúlia (41° 28′ 55.07″ N | 8° 46′ 32.67″ W), mais a Sul, terra de mar e de sargaceiros, com a vida tradicional das masseiras (campos agrícolas em solo arenoso), os barquinhos e os pescadores a conviverem em harmonia com os visitantes. Os moinhos, hoje transformados em casas de férias, oferecem um apontamento belíssimo à paisagem, especialmente encantadora ao pôr do sol.

Para aproveitar as praias de Esposende, recomendo o Axis Ofir Beach Resort Hotel, perto de Ofir, ou a CMB Guesthouse, perto da Apúlia.  

4. Póvoa de Varzim

Se não gosta de areia grossa, uma alternativa no concelho é a praia de A-ver-o-Mar (sem bandeira azul).

No concelho da Póvoa de Varzim encontra oito locais galardoados com bandeira azul, alguns dos quais se desdobram em várias frentes de praia. Principal estância balnear dos nortenhos há décadas, desde que os comerciantes do Porto e do Minho a escolheram como destino de férias, a Póvoa de Varzim possui praias com areia mais grossa, água de qualidade excelente, mas de temperatura gélida, que não é para fracos.

Entre as melhores praias destaca-se a pequena baía da Lagoa (41° 23′ 28.98″ N | 8° 46′ 42.84″ W), com três praias bastante procuradas pelos praticantes de surf e bodyboard. As zonas urbanas (Norte e Sul) também receberam a bandeira azul, desdobrando-se em  seis e três concessões de praia, respectivamente.

A Póvoa de Varzim é muito procurada também por causa dos restaurantes, do casino, discotecas e festas de praia. Para explorar a região, sugiro o  Sao Felix Hotel Hillside & Nature, que não fica em cima da praia mas é muito sossegado e tem uma vista soberba, o Hotel Santo André ou o despretensioso Estela Surf & Hostel.

5. Praias de Vila do Conde

Em Vila do Conde existem seis locais com bandeira azul hasteada. Cada um deles desdobra-se em várias concessões de praia. Os passadiços de madeira estendem-se até ao concelho vizinho, Póvoa de Varzim, o que constitui um bom pretexto para caminhar ou correr, com uma vista fantástica.

A lista inclui Árvore, a Frente Urbana Norte que engloba sete concessões de praia, a Frente Urbana Sul, no coração do concelho, com 9 praias diferentes, e Labruge. A Sul da foz do rio Ave encontra ainda as praias de Mindelo e a pequena  Vila Chã (41° 17′ 43.12″ N | 8° 44′ 10.48″ W ), também conhecida como Praia da Congreira ou Praia Nova.

Se escolher as praias de Vila do Conde, pode contar comer peixinho fresco. Aproveite também para conhecer a Velha Casa de José Régio. Para ficar, recomendo o Santana Hotel & SPA, a Villa C Boutique Hotel ou a Autor Guesthouse, entre as praias de Mindelo e Vila Chã.

6. Praias de Matosinhos

praia da Memória
O obelisco assinala a chegada de D. Pedro a esta praia.

Não sendo a escolha óbvia para muitos nortenhos, estas praias são procuradas por quem mora nas proximidades (em Matosinhos ou no Porto). Na verdade, o concelho possui 13 locais galardoados com bandeira azul, que se desdobram em várias frentes de praia.

Entre a longa lista, destaca-se a popular praia de Funtão, a praia Quebrada e a praia da Memória. A enseada da praia da Quebrada é bem simpática, com a vegetação envolvente e as casas de pescadores, mas esconde uma zona de rochas que requer particular atenção, quando se quer dar um mergulho.

Destaque-se ainda a praia da Memória (41° 13′ 50.35″ N | 8° 43′ 16.61″ W), onde D. Pedro desembarcou em 1832 com um exército para derrotar o irmão. Em homenagem a essa vitória, aqui foi construído o Obelisco da Memória, que inspirou o nome da praia.

O passadiço, construído para facilitar o Caminho Português da Costa, tornou-a ainda mais popular. Em Maio de 2021, os passadiços e a área de estacionamento estavam com obras de manutenção, mas suponho que tudo esteja pronto para a abertura da época balnear.

Entre as opções de alojamento das proximidades, recomendo os apartamentos Caravela ou Ar d’Sal – Praia de Angeiras – Beach&GoodFood.

7. Praias do Porto

Não sou grande apreciadora de praias muito urbanas, como as que se localizam no concelho do Porto. Apesar disso, refira-se que a região possui quatro locais distinguidos com bandeira azul e, claro, nenhum post sobre praias do Norte de Portugal estaria completo sem incluir estas. A sua vantagem reside no fácil acesso através de transportes públicos, já que o estacionamento não é fácil.

É o caso da praia do Castelo do Queijo (41° 10′ 3.39″ N | 8° 41′ 23.70″ W), que deve o seu curioso nome ao Forte de São Francisco Xavier do Queijo,  do século XV, praia rochosa bastante procurada pela pesca desportiva.

Outra praia local com bandeira azul é a do Homem do Leme (41° 9′ 37.07″ N | 8° 41′ 7.48″ W), que deixa antever afloramentos rochosos com mais de 570 milhões de anos. A única praia acessível na cidade do Porto foi baptizada em homenagem aos pescadores, que mereceram também a estátua em bronze do Homem do Leme, da autoria de Américo Gomes (1934).

A lista é concluída com as praias de Gondarém, com a emblemática pérgola da Foz, e da Foz, ideal para relaxar, beber um copo, apreciar o pôr do sol no oceano, correr ou pedalar ao longo do passeio marítimo. Se é a sua primeira visita à cidade invicta, não deixe de ler todas as nossas dicas sobre o Porto.

8. Praias de Vila Nova de Gaia

A beleza da capela do Senhora da Pedra, junto ao mar.

Vila Nova de Gaia é o concelho do Norte de Portugal com maior número de locais distinguidos com bandeira azul. São um total de 20, que se desdobram em várias concessões de praia. As praias locais são procuradas por milhares de portuenses, por causa da sua qualidade e pelo crescente número de praias acessíveis, onde é possível entrar no areal mesmo em cadeira de rodas, por exemplo.

Questionando uma amiga que mora no concelho, apontou-me a praia de Salgueiros (41° 7′ 14.38″ N | 8° 39′ 54.90″ W) e as praias próximas de Pedras Amarelas e Estrela do Mar, como suas preferidas. Visitámos duas delas e passámos ali belos momentos de lazer, como podem ver na foto de entrada deste post.

Mas, confesso, as minhas preferidas ficam mais a sul. Falo do litoral que vai de Miramar a S. Félix da Marinha e que inclui praias belíssimas como o Senhor da Pedra (41° 4′ 10.30″ N | 8° 39′ 17.45″ W), Aguda e a histórica praia da Granja (41° 2′ 23.72″ N | 8° 38′ 59.50″ W).

A beleza da praia com a capela do Senhor da Pedra (século XVII) a ser beijada pelas ondas faz as delícias dos fotógrafos. E que dizer da praia da Granja, poiso da aristocracia portuguesa em meados do século XIX, que recebeu Eça de Queiroz, Ramalho Ortigão e até a realeza da altura? Já no século XX, foi eleita por Sophia de Mello Breyner Andersen como destino preferido.

Tanto a praia da Granja como a do Senhor da Pedra têm aquele ambiente quieto de pequena vila veraneante, que acho encantador. Para desfrutar da região, sugiro ficar no Aguda Golf Vita, na Casa da Granja Charming Hotel ou, se prefere apartamento, no Oporto Beach, por exemplo.

9. Praias de Espinho

A Praia da Frente Azul recebe os alunos das escolas de surf e do desporto escolar.

Fechamos este guia pelas praias do Norte de Portugal em Espinho, o concelho limítrofe entre a região Norte e Centro, a meio do caminho entre o Porto e Aveiro. O concelho possui cinco locais galardoados com a bandeira azul, cada vez mais procurados pelas suas ondas, para a prática de surf, windsurf e bodyboard.

A lista inclui as praias urbanas da Frente Azul  (41° 0′ 42.16″ N | 8° 38′ 44.99″ W) e da Baía (41° 0′ 31.90″ N | 8° 38′ 47.62″ W), próximas uma da outra, com todos os serviços e transportes ali bem perto, incluindo o casino de Espinho, mas de difícil estacionamento sobretudo nesta altura em que o centro de Espinho está com muitas obras. No entanto, é possível chegar de comboio, o que é uma vantagem.

Acrescente-se a Praia da Rua 37 e, mais a sul, as Praias de Silvalde, ao lado do mais antigo campo de golfe da Península Ibérica e de Paramos, bem mais tranquilas. No centro de Espinho, sugiro um brunch no simpático Pão de Dó e, para ficar, o Monte Lírio Hotel & Wellness Centre ou o Espinho Beach 4 Stays, para estadias um pouco mais longas.

Qual das praias do Norte de Portugal é a vossa preferida? Contem-me tudo!

E não se esqueçam que, em 2021, há regras de distanciamento social e uso de máscara a aplicar (e multas para quem não cumprir) nas praias. Foram também instalados uma espécie de semáforos; a cor verde indica ocupação baixa (1/3), amarelo ocupação elevada (2/3) e vermelho ocupação plena (3/3). A informação sobre o estado de ocupação das praias é actualizada em tempo real na app Info praia – pode valer a pena consultar antes de sair de casa.

Planeie a sua próxima viagem

Faça as suas reservas através dos links parceiros. Não paga nem mais um cêntimo e para mim faz toda a diferença

  • Encontre os melhores hotéis no  BookingÉ onde eu faço as minhas reservas
  • Se precisa de transporte próprio, alugue um carro com a Rentalcars 
  • Reserve os seus bilhetes para monumentos e tours, evitando filas, usando o Get your Guide 
  • Faça um seguro de viagem com a Iati seguros (beneficia de 5% de desconto com este link).

Este post pode conter links de afiliados

Partilhar
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on whatsapp
WhatsApp

Artigos Relacionados

12 Comentários

  1. chica

    Tão lindas as praias daí. Ando morrendo de saudades de mar, praia, caminhar poelas areias… Adorei as fotos e como está nosso querido explorador? Com quantos anos já está? beijos,tudo de bom,chica

    1. Ruthia

      Também tínhamos muitas saudades do mar. O Pedrinho completou 13 anos há pouco tempo, Chica querida. Está enorme.
      Beijinhos

  2. Silvio Carlos Nobre

    Quantas belezas! Ótimo final de semana querida Ruthia.

    1. Ruthia

      Grata pela sua presença sempre amável. Bom fim de semana

  3. elvira carvalho

    Meu Deus como o pequeno explorador está crescido!
    Algumas dessas praias eu conheço, embora só de passagem, as praias das férias são sempre no Algarve e na em Lagos, já que é nessa localidade que tenho casa.
    Abraço, saúde e bom fim de semana

    1. Ruthia

      Não são praias tão populares como as do Algarve, mas fazem muito bem à saúde, pois são muito ricas em iodo. Acredito que muitas famílias portuguesas nem consigam ir para Sul este Verão. A pandemia deixou muita gente mal e sem emprego, infelizmente

  4. Rosélia Bezerra

    Olá, querida amiga Ruthia!
    Meu Deus! Que vontade de voltar aí!
    Deus permita que um dia possa ir.
    Você não sabe como gostei do post, amiga.
    Deu uma visão bem larga para quem não eu daí.
    Agradeço demais sua gentileza. Vou guardar o link com carinho.
    Tenha dias de primavera final bem abençoados!
    Beijinhos carinhosos e fraternos

    1. Ruthia

      Muito obrigada pelo amável feedback Rosélia. Com o ritmo de vacinação a aumentar, poderá em breve desbravar novamente terras lusitanas!

  5. Cintia Grininger

    As praias de Portugal são realmente famosas entre as praias européias… mas imagino que a água seja bem gelada em todas elas, não? Dentre as praias do norte de Portugal, a que me chamou mais a atenção foi a Praia de Âncora – essas tendinhas são somente para hóspedes?

    1. Ruthia

      essas tendinhas são para alugar, caso não tenha guarda-sol, por exemplo. Ideal para quem leva crianças

  6. Inês

    Ah! A melhor praia do mundo em destaque!
    🙂

    1. Ruthia

      😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

JPG_1606302493785

Ruthia Portelinha

Viajante, chocólatra, leitora compulsiva, mãe. Está a aprender chinês porque sim.

Posts Populares
Fundador da ABVP
Viagens de uma Vida
Livro viagens de uma vida
Viagem de grupo a Marrocos

7 dias em Marrocos 430 euros
Marrakech até Deserto do Saara
>> Viagem de Grupo Marrocos <<